segunda-feira, 22 de março de 2010

A TAÇA É NOSSA!!!

(Meu) Benfica, sempre acreditei em ti!! Na tua indiscutível qualidade, na tua superioridade e, entre outros, na tua capacidade se sofrimento. Melhor dizendo: no espírito de sacrifício e entre-ajuda dos teus atletas.
Quando a época estava prestes a começar, já eu sonhava, com fundamento. A equipa que estava a ser montada tinha/tem tudo para dar-nos imensas alegrias. Uma equipa de sonho. Como já referi vezes sem conta, a quem de direito, algum dia imaginava eu ter no Glorioso Benfica jogadores como Aimar e Saviola?! Hoje temos estes e outros "novos craques" do futebol mundial: Di Maria, David Luiz, Carodozo, etc etc. Todo o plantel do Benfica tem cotação a nível mundial, o que dá para perceber a grandeza de jogadores que temos. Únicos e fantásticos.
Sempre soube que o presente ano teria/ terá de ser "O Nosso Ano". Não só pelos valores repetidamente investidos, de umas épocas atrás a esta parte, como também pela necessidade que há, por parte dos nossos responsáveis, em dar mais uma, duas - quiçá, três - alegrias, numa só época, a Nós, fiéis de Jesus e seus Discípulos.
Também não é menos verdade que torci o nariz quando houve a possibilidade real de Jorge Jesus (J.J.) ingressar o nosso comando técnico. Não o queria ver no Benfica, não depois de ter dito as barbaridades que disse no final do mítico "BENFICA vs Braga", quando ainda era treinador dos arsenalistas (como eu gosto desta palavra!). Custava-me aceitar a ideia. Recusa-me a aceitar que o Benfica teria um treinador com semelhante maneira de ser, porque sempre tive a ideia que para ser treinador do Glorioso tem que se ter algo que vai muito além do «simples» talento da arte de bem treinar.
Estava errada, eu sei. E reconheci imediatamente o meu erro, acerca da pessoa de J.J. Mal a época começou, e com elas os excelentes resultados que a equipa alcançou, tanto a nível de vitórias, como a nível de futebol jogado, fiz a devida vénia a Jesus. Hoje, tenho uma ideia completamente diferente. Acho-o um magnífico treinador - mas isso já achava antes -, que conhece o futebol português como poucos. Um amante do desporto-rei. Respira futebol por todos os lados. Isto para além da sua amabilidade e grande carácter, que faz dele um enorme ser humano. O que mais me encanta em J.J. é o seu respeito, carinho e preocupação que sempre tem com os adeptos Benfiquistas. Só visto, de facto!! A interacção entre treinador, sobretudo, e adeptos é única. Basta recordar, a título de exemplo, as ordens que Jesus dá aos seus pupilos para, no final dos jogos, quer na Catedral, quer sobretudo fora dela, irem acarinhar os adeptos. Fantástico.
Hoje, posso dizer-vos, que tenho uma enorme consideração pelo nosso treinador. Quem diria.



O Benfica, com especial destaque para o presente mês, está a ter um calendário de fogo. Ontem foi «apenas» o terceiro jogo em sete dias!! Depois de uma desgastante viagem até Marselha, onde brilhantemente eliminamos a equipa francesa, literalmente contra tudo e todos, com três dias de recuperação, apenas, vencemos - com toda a justiça - o FC Porto, reconquistando, portanto, a Taça da Liga, pelo segundo ano consecutivo.
Admirados?! Nem um pouco! Temos vários jogos em poucos dias, mas tenho a certeza - e ontem foi mais uma prova dada pela equipa - que os nossos gloriosos jogadores irão manter a mesma atitude, garra e raça a cada lance, união, e entre-ajuda, enfim, todos os elementos essenciais que tão bem conhecemos de um típico "Benfica Campeão".
No que à Liga Europa diz respeito, o tal "Sonho Europeu" - que algumas vezes aqui apelidei - continua. Os nossos objectivos estão cada vez mais altos e por que não um Benfica Campeão também na Europa? Venha o Liverpool!!! Quem vier morre. É um final antecipada que, com o engenho e arte dos nossos gloriosos, será ultrapassada, rumo a Hamburgo.
Ainda relativamente ao jogo com o Marselha, o resultado alcançado em casa foi menos bom, pois sofremos um golo, empatando o jogo a uma bola, e aos 90 minutos... que azar, que balde de água fria (eu diria: gelada!). Mas sempre acreditei no bom resultado em França. Não expressivo mas que nos permitisse a passagem à fase seguinte. Assim foi. Depois de um excelente jogo dos nossos rapazes, de uma grande atitude, fomos os justos vencedores, contra um Marselha fechado, contra uma arbitragem VERGONHOSA!!! Mas nem isso tirou o discernimento aos nossos gloriosos jogadores, tenho sido a racionalidade de cada um deles uma evidência. "À Campeão", demos a volta ao resultado, superando a desvantagem, e arrasamos com o nosso charme dos "avec's". Temos pena!!
Já no que diz respeito à Taça da Liga, tínhamos, de certa maneira, a obrigação de a vencer, pelo simples facto de a termos conquistado na época anterior. Tão somente. Mas, muito sinceramente, acho que o nosso adversário tinha um dever maior de a vencer, por vários factores que nem a mim nem as Benfiquistas interessam.
Não "exigia" a conquista da Taça. Não nestas condições: com pouquíssimos dias de descanso, com um jogo desgastante nas pernas.
No entanto, o jogo era contra o nosso maior rival, o que trazia uma atmosfera anímica ainda maior ao jogo. Nunca queria perder.
Também tinha (e tenho) consciência que temos um plantel vasto, todos eles enormes jogadores, com enormes capacidades, capazes de fazerem a diferença em campo, jogasse quem jogasse. Assim foi. J.J. refrescou grande parte do meio campo para a frente. No banco de suplentes estavam, entre outros, Cardozo, Saviola, Javi Garcia, Ramires,... querem mais?! Ou seja, antes das substituições já ganhávamos por 2-0 ao Porto. Jogue quem jogar, do massacre os nossos adversários nunca se livrarão.
Ganhamos por uns belos 3-0, arrasando o Porto, e evidenciando o desespero da equipa adversária. Marcaram Rúben Amorim (que hoje, certamente, ainda não saberá bem como marcou o golo. Que frango. Ou melhor, que peru!!!), Carlos Martins (à segunda foi de vez. Que bomba!!!) e Cardozão (depois de um trabalho fantástico de Rúben Amorim). Cardozão, o melhor marcado do campeonato, marcou e o outro... a ave rara...?? O Falcão?? Foi facilmente anulado pelos senhores Luisão e David Luiz.
Foi uma festa muito bonita, sobretudo dentro do Estádio, quer pelos nossos adeptos, quer pelos nossos jogadores e respectivo staff. David Luiz faz a festa toda!!! Lindo o seu gesto ao vestir uma camisola daqueles que estão sempre presentes: NN!!!
J.J. enorme, como sempre, e bastante emocionado, ao dedicar este seu primeiro título ao serviço do Benfica ao seu pai.


Quem me conhece sabe que não posso deixar passar em claro a importância do nosso capitão Nuno Gomes no balneário da equipa e, consequentemente, na conquista desta taça. O Nuno deveria ter mais oportunidades, na minha modesta opinião. Mas não vou entrar por aí, limitando-me a respeitar, porém, as decisões do treinador, embora nem sempre concordando com elas.
O nosso capitão ainda tem muito para dar ao futebol e aos adeptos Benfiquistas em particular. É nosso, é um jogador da casa!!!
Força Nuno!!! Melhores tempos virão. Vamos continuando a acreditar.
E que bem que ficas a erguer os nossos troféus!!! Que orgulho!!! É a ti que cabe essa honra, capitão.

Lamentavél
- e não posso deixar de falar - a atitude os adeptos e equipa do porto. Não é de admirar a atitude dos adeptos, uma vez que são o reflexo da própria equipa: violentos, desesperados e maus perdedores.
Não me admira nada. Ainda não há muito tempo, tentaram intimidar o nosso Benfica, aquando da nossa deslocação ao Estádio do Mar.
Ninguém nos pára!! Nada temos a temer, pelo que as suas tristes atitudes nada mais manchará a não ser a reputação deles.
Sumaríssimo para o Bruno Alves, por favor!!! É inacreditável como este jogador não foi expulso no jogo de ontem. Muita porrada distribuiu pelos nossos gloriosos jogadores. Lamentáveis as suas atitudes. Ao intervalo repetiu, vezes sem conta, o gesto "4". Mas 4 de quê?? De quatro TRETAS campeonatos?? Ah já sei, de quatro roubos de igreja, dragão, como queiram!!!
Deverias dar o exemplo em todo o lado . . . tens de fazer um esforço para seres mais inteligente!


A próxima final, frente ao Braguinha, é para VENCER!!!! EU ACREDITO!!! Até os comemos!!!


AMO-TE BENFICA!!! HOJE E SEMPRE!!!

5 comentários:

magalhães.Sad.SLB disse...

BOA ANÁLISE.

O BENFICA FOI DE FACTO MELHOR EM TODOS OS ASPECTOS E FASES DO JOGO.

ESTA FOI A 1ª DE MUITAS CONQUISTAS QUE SE ESPERA DA ERA DE JESUS.

SÁBADO TODO O APOIO É POUCO PARA A GRANDEZA DO BENFICA. TODOS À LUZ!!!

SAUDAÇÕES GLORIOSAS.
http://magalhaes-sad-slb.blogs.sapo.pt/

red disse...

:)
:)
:)

Viriato de Viseu disse...

Quando escreves, abram alas para a Princesa!!!

Foi uma vitória que só pecou por escassa.

Há dias os CUmentadores da nossa praça, diziam que o nosso Sagrado Clube estava fraco, sem forças, a cair...eheheheh que nunca virava um resultado negativo...viu-se em Marselha.
E agora também se viu contra aquela agremiação corrupta do Guimaro e Calheiros.
JOKAS

Micaela disse...

É nossa e que venham mais :D

PatyRochinha disse...

Olá :D
Como tu sou uma grande benfiquista e também fã do jogador fellipe bastos de quem tenho um blog.
Gostava de te perguntar se querias fazer uma parceria comigo, eu meter o teu blog no meu e tu o meu no teu :D

Um beijo e cumprimentos benfiquistas, Patrícia